quinta-feira, 15 de maio de 2008

Eu quero

Eu quero conversas intermináveis, risadas até dar cãibra

Eu quero correr até cansar, parar e correr tudo de novo

Eu quero sol, praia e mar

Eu quero churrascos, feijoadas e festas de família. Todas toscas, todas inesquecíveis.

Eu quero sempre partilhar o que houver de bom com os meus.

Eu quero, se for possível, nem falar o que houver de ruim. Nem eu dou conta.

Eu quero ler,cantar, amar, perdoar, ter calma, ter pressa.

Eu quero criar cachorros e levar uma vida saudável. Um dia eu largo o café, a carne e a fritura. Juro. Um dia jogo tudo fora.

E a cerveja? Ah, sem ela não dá.

Então serei 95 % saudável.

Eu quero estar longe da correria.

Não adianta! Vou acabar numa praia bem bem distante com meus livros e discos. No mais clássico estilo nativa. Achando que andar na pracinha matriz a noite é o que há.
Eu quero ver jogos do Vozão até morrer de dizer palavrão.

Eu quero chorar e rir, chegar e partir.

Eu quero outros em minha vida.

Eu quero me surpreender, me espantar e duvidar das verdades absolutas

Quero quero tanta coisa...

Quero tomar banho de mar a noite, caminhar de mãos dadas, fazer juras eternas

Não quero nós, quero laços, quero te dar um abraço e um amasso que também não sou de ferro

Quero beijo na boca, quero plantar uma arvore, escrever um livro e ter um filho, mas isso é pra bem depois

Quero ganhar dinheiro, dormir até as dez, ter insônias nas madrugadas pra recuperar o sono nas manhãs

Quero ver a luz da lua, cheia, minguante, nova e crescente

Quero o cinza do céu também, quero ele vermelho, azul, multi-cor

Quero mais encontros que desencontros

Quero mais desejo que desprezo

Quero mais sim que não

E não quero que o amor supere o tesão, antes os dois lado a lado

Quero não ter que dá resultados, não sou equação, sou gente de verdade, sou pele, osso e coração

Não quero mentiras e mediocridade nem quero ultrapassar muito minha cota de saudades

Quero entrega, sorrisos verdadeiros, abraços apertados

Quero bossa nova e poesia

Quero amigos pra vida toda, um amor eterno enquanto dure, que me entenda e surpreenda, que se faça de humilde mesmo sendo o tal, que se faça de tímido mesmo sendo ousado, que faça que nem ligue mas que morra de paixão

Quero que azia vá embora, quero jogar tudo que não presta fora

Quero ligar quando tiver vontade e sair correndo pra ver quem eu quero quando me der saudade

Quero alguém bonito, esperto, engraçado, que vez por outra se faça de abobalhado


Quero os cuidados da mamãe, os dengos da vovó, os conselhos da titia,quero ser sempre alguém melhor

Quero massagem e cafuné, quero falar bobagem até não dá mais pé

Quero nunca mais sentir dores tão sofridas, quero morrer de amar nessa vida

10 comentários:

Milla disse...

Uma vez eu li um texto que dizia que um poema não deveria ser engolido, mas apreciado a cada palavra, pois cada expressão carrega em si uma razão e interpretação, e foi exatamente o que senti deste!
Queres uma coisa só, mas soube analizá-la de variadas e detalhadas formas... Queres se completar com o que a vida oferece de melhor! ^^

Bjo!!!

Gabi =) disse...

nossa, adorei seu poema. como ela disse ali em cima, um poema não deveria ser engolido, mas apreciado a cada palavra, pois cada expressão carrega em si uma razão e interpretação.
simplesmente maravilhoso!

Luii disse...

muitoo bom
faz refleitir sobre os verdadeiros valores da vida
gostei mesmo

se der, passa lá

http://frieiracerebral.blogspot.com/

Yu disse...

muiittoo muiittoo
bom!! tbm qro um monte de coisas dessas1!
nha!^^

bjobjo

Thaíssa Vasconcelos disse...

Aaaaaaaaaaaaaaaah, também quero!!!

haha

Laís Cristine Krasniak disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Iza disse...

Venho aqui comentar e encontro a Milla. O mundo é pequeno...hehehe
...
Um blog é realmente o lugar onde podemos dar asas a nossa liberdade.
Dizer tudo o que queremos...
...
Somente no blog podemos dizer que quem chegou e comentou foi porque do que leu gostou ou reclamou...
...
Eu também quero muitas destas coisas que queres...
...
Beijos!

Livia Queiroz disse...

Mto booooooooooom
Eu qro tudo isso também...
E mais um montão de coisas. Pq n há nada demais nisso neh?
Temos mesmo qu querer sempre!

"Eu quero ler,cantar, amar, perdoar, ter calma, ter pressa"

Isso eu qro eternameeeeente!

Qnto a meu texto "Coisas que andei pensando" que fala da tentativa de esquecer um passado...Bem ele eh real sim e TO TENTAAAAANDO.
hehe
bjaum kerida

Livia Queiroz disse...

Me fez lembrar tb de um poema que eu fiz há algum tempo e que também fala de coisas que eu quero!

Postei la no meu blog
da uma olhada!
bjuuuuuuuuuuuuu

***********************************
http://queiroz19.blogspot.com/
***********************************

Mente disse...

Eu quero! Eu tbm quero....rsrsrs.

Mais um ótimo texto, cheio de entusiasmo.

http://coerenciacontraditoria.blogspot.com/